Sindisaude
54 3221.7453
54 9635.0765
22 de Agosto, 2017

Começa operação do MPT-RS no hospital Virvi Ramos em Caxias do Sul

 Começou, às 8h desta terça-feira (22/8), na Associação Cultural e Científica Virvi Ramos (ACCVR) -  mantenedora do Hospital Virvi Ramos, a sétima operação da força-tarefa de adequação das condições de saúde e segurança no trabalho em hospitais no Rio Grande do Sul. A unidade está localizada na rua Alexandre Fleming, 454, bairro Madureira, em Caxias do Sul, e possui, aproximadamente, 480 trabalhadores. O grupamento operativo é coordenado pelo Ministério Público do Trabalho (MPT). O objetivo é investigar condições de saúde e de segurança dos trabalhadores, em todos os postos de trabalho, à semelhança do que é feito nos frigoríficos, desde janeiro de 2014. Os principais problemas enfrentados no setor são doenças de coluna pelo esforço de movimentar pacientes, acidentes com perfurocortantes e contaminação biológica.

     O grupo foi recebido pela diretora Cleciane Doncatto, que designou a gerente de Recursos Humanos, Márcia Nunes da Encarnação como interlocutora. Foram solicitados 83 documentos à empresa. Além do Hospital Virvi Ramos, a ACCVR é mantendedora de outras empresas de serviço de saúde, como Clínica e Centro de Saúde Clélia Manfro, além de oferecer serviços como Home Care e Assistência Comunitária. Na área da Educação, a Associação é mantenedora da Faculdade Fátima e da Escola Técnica Nossa Senhora de Fátima.

Os integrantes da operação foram divididos em quatro equipes para otimizar a fiscalização: ergonomia, saúde do trabalhador e da trabalhadora / dimensionamento de pessoal, segurança e habilitação / responsabilidade profissional. A inspeção deverá se estender até a próxima sexta-feira (25/8), quando a empresa será notificada do resultado da operação.  

Com informações do MPT/RS

VOLTAR PARA LISTA DE Banner Notícias